facebook instagram youtube whatsapp

Economia Quinta-feira, 01 de Fevereiro de 2024, 15:37 - A | A

Quinta-feira, 01 de Fevereiro de 2024, 15h:37 - A | A

TRIBUTOS

Empresas podem recuperar impostos pagos indevidamente; entenda

Especialistas estimam que a recuperação de tributos pode chegar a R$ 500 milhões em 2024 e reforma tributária aumentará a procura pelo reembolso

Correio Braziliense
MQF

A arrecadação do governo federal encerrou o ano de 2023 totalizando R$ 2,318 trilhões, o segundo melhor resultado da série histórica iniciada em 1995. No entanto, parte deste valor é composta por impostos pagos indevidamente. Um relatório divulgado pela Revizia, startup de auditoria e compliance fiscal, apontou que as empresas brasileiras têm deixado de recuperar, anualmente, mais de R$ 50 bilhões em impostos que não deveriam ter sido cobrados.

Os dados apontam que, em média, uma empresa com faturamento acima de R$ 10 milhões perde R$ 251.928,23 a cada ano. Segundo o CEO da Revizia, Vitor Santos, impostos indiretos como o ICMS e o PIS/Cofins, por sua complexidade, são os principais tributos da lista de encargos recuperáveis.

“O sistema tributário brasileiro é bastante complexo, o que leva as empresas a pagarem mais impostos do que realmente devem, seja por desconhecimento, falta de organização dos documentos ou simplesmente para evitarem riscos de serem autuadas pelo fisco”, explicou Santos.

Continue lendo:

https://www.correiobraziliense.com.br/economia/2024/02/6796258-empresas-podem-recuperar-impostos-pagos-indevidamente-entenda.html

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 22 de Julho de 2024