facebook instagram youtube whatsapp

Política Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2024, 16:33 - A | A

Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2024, 16h:33 - A | A

EXERCÍCIO DE 2022

Contas do Governo de Mato Grosso são aprovadas pela Assembleia Legislativa

Deputados foram favoráveis às contas do governo; recuperação de investimentos e credibilidade foram destaque

Assessoria
MQF

As contas de gestão do Governo de Mato Grosso, referentes ao exercício de 2022, foram aprovadas pela Assembleia Legislativa do Estado nesta quinta-feira (11.01), com 18 votos a favor e 4 contra. A votação seguiu o parecer favorável do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT).

A decisão consolida o resultado positivo da atual gestão em equilibrar as contas do estado e promover os investimentos em todas as áreas que importam ao cidadão.

“Agradeço à Assembleia por reconhecer os esforços que estamos fazendo em prol dos mato-grossenses. A palavra chave é a eficiência: aplicar corretamente os recursos públicos, devolvendo o que os mato-grossenses pagam de impostos em forma de obras e ações que realmente tem mudado para melhor a vida de todos. Para onde você olha, tem resultado”, afirmou o governador Mauro Mendes.

O deputado estadual Wilson Santos, que votou a favor, destacou a habilidade do governador Mauro Mendes em mudar para melhor o cenário econômico de Mato Grosso. 

“Mauro Mendes é um grande gestor e um dos melhores governadores que passaram por Mato Grosso. Os resultados são visíveis. É um governo que hoje investe quase 16% da sua receita própria, algo que a maioria dos estados brasileiros não consegue. Ele recuperou a capacidade de investimento no Estado”, afirmou. 

Segundo o deputado, a recuperação da capacidade de investimentos realizada pelo Executivo Estadual transformou Mato Grosso em um canteiro de obras. 

“É por isso que temos obras nos quatro cantos do estado. Seis hospitais estão sendo construídos, cinco deles com recursos próprios e o Hospital Júlio Muller em parceria com a União. Dois mil quilômetros de asfalto novo na primeira gestão e agora mais 2 mil. São fatos importantes que devem ser realçados. Pegou a gestão fiscal com nota C e elevou para a nota A, o que é raro”, elogiou.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 14 de Julho de 2024