facebook instagram youtube whatsapp

Política Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2024, 11:15 - A | A

Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2024, 11h:15 - A | A

EM DEFESA DO SETOR

Política agrícola só funcionará se governo estiver com ouvido aguçado, diz Geller

“Não vou abrir mão de defender os interesses da agricultura”, afirmou Neri Geller, secretário de Política Agrícola do Mapa

Estadão Conteúdo
MQF

A política agrícola só funcionará se o governo estiver com ouvido aguçado para o setor, afirmou o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Neri Geller, em evento online organizado pela Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar) sobre as perspectivas para a safra 2023/24 do estado.

Geller, que assumiu o posto há pouco menos de um mês, prometeu, em um primeiro momento, levar as demandas do setor para o ministério.

“Não vou abrir mão de defender os interesses da agricultura”, afirmou o secretário, acrescentando estar alinhado com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

O secretário destacou ainda pautas, como os vetos à lei de defensivos e a necessidade de melhorias em algumas políticas agrícolas, o fortalecimento do Programa de Construção e Ampliação de Armazéns (PCA) e dos Fundos de Investimentos em Cadeias Agroindustriais (Fiagros), além da redução das taxas de juros para além da Selic e mais recursos para crédito rural. “Vamos fortalecer a questão de aquisição de máquinas, com taxas de juros que o setor possa sobreviver”, acrescentou ainda.

Por fim, Geller defendeu deixar o “ranço político de lado”, posicionando-se como articulador entre governo e agronegócio.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 14 de Julho de 2024