facebook instagram youtube whatsapp

Política Terça-feira, 30 de Janeiro de 2024, 16:16 - A | A

Terça-feira, 30 de Janeiro de 2024, 16h:16 - A | A

DUPLICAÇÃO DA BR-163

“Temos prazo de 8 anos, mas queremos fazer em 4”, afirma governador

Desde que o Governo do Estado assumiu a concessão da BR-163, já foram investidos mais de R$ 1,1 bilhão em obras de infraestrutura na rodovia

Assessoria
MQF

Em entrevista ao programa TVM Notícias, de Nova Mutum, nesta segunda-feira (29.01), o governador Mauro Mendes afirmou que as obras da BR-163 são prioridade do Governo do Estado e que pretende finalizar a duplicação antes do prazo determinado. 

“Terminar as obras da BR-163 é uma prioridade do Governo. Nosso prazo para fazer a duplicação é de oito anos, mas queremos fazer em quatro. É o esforço que estamos fazendo para que essa infraestrutura melhore o fluxo nessa região, preservando a vida dos mato-grossenses”, destacou. 

O governador enfatizou ainda que a duplicação da rodovia não apenas irá assegurar a mobilidade dos moradores locais, mas também vai garantir uma boa logística para o transporte de produtos agroindustriais e para geração de mais empregos. “É importante, principalmente, para a qualidade de vida das pessoas que percorrem essa estrada”, afirmou. 

Desde 2019, o Governo de Mato Grosso já asfaltou mais de 3,5 mil quilômetros de rodovias no Estado. Mauro destacou que a meta é de 5,5 mil quilômetros de asfalto novo. “Queremos manter esse ritmo constante e vamos conseguir atingir o objetivo. É chão que vai virar asfalto”. 

Ao fim da entrevista, o governador falou sobre suas perspectivas para o futuro de Mato Grosso. 

"Eu enxergo um estado que vai continuar crescendo, liderando a produção do agronegócio brasileiro, sendo a região que vai continuar produzindo muito, gerando riqueza e muita qualidade de vida. A nossa gente é corajosa e trabalhadora”. 

R$ 1,1 bilhão em obras

Desde que o Governo do Estado assumiu a concessão da BR-163, por meio da compra do controle acionário da Nova Rota do Oeste, em maio de 2023, a concessionária já contratou mais de R$ 1,1 bilhão em obras de infraestrutura na rodovia. 

As obras envolvem a recuperação de trechos em diversos pontos entre Cuiabá e Sinop, a retomada das obras de duplicação entre Diamantino (km 507) e Nova Mutum (km 593), implantação de postes e a construção de viadutos, recuperação de asfaltos antigos, e a reconstrução da drenagem de trecho da via.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 23 de Julho de 2024