facebook instagram youtube whatsapp

Opinião Segunda-feira, 08 de Janeiro de 2024, 15:21 - A | A

Segunda-feira, 08 de Janeiro de 2024, 15h:21 - A | A

João Alves

A Importância da Humanização Empresarial em 2024: Priorizando Colaboradores para Maximizar Lucros

João Alves
MQF

No cenário corporativo, a humanização empresarial surge como um pilar fundamental para o sucesso duradouro das organizações. Em 2024, a necessidade de empresas que vão além da busca pelo lucro, priorizando também o bem-estar e desenvolvimento de seus colaboradores, torna-se mais evidente do que nunca. Os colaboradores precisam ter qualidade de vida, para desempenhar bons trabalhos dentro das empresas, seja privada ou organizacional. Irei explorar a importância dessa abordagem e como o marketing interno desempenha um papel crucial nesse contexto.

 

Empresas humanizadas reconhecem que o capital humano é seu ativo mais valioso, isso é inegável, cada vez mais precisam de mão de obra qualificada e pronta para aprender mais.. Ao investir no desenvolvimento pessoal e profissional de seus colaboradores, essas organizações não apenas promovem um ambiente de trabalho saudável, mas também fortalecem a lealdade e o comprometimento da equipe.

 

O colaborador coloca-se como peça principal, seja em qual setor for, na empresa para que ela cresça e prospere. Vestir a camisa da empresa faz bem para o funcionário, clientes e donos. Para que isso aconteça, ter um bom relacionamento com seus funcionários é primordial, para isso, não basta apenas pagar salário em dia, dobrar o salário para ‘segurar’ o funcionário, se ele não estiver satisfeito com a qualidade de vida.

 

O marketing interno desempenha um papel central na implementação da humanização empresarial. Comunicar efetivamente os valores da empresa, suas iniciativas de bem-estar e oportunidades de desenvolvimento interno cria uma cultura organizacional que valoriza os colaboradores. Estratégias como newsletters, eventos internos e plataformas digitais são ferramentas poderosas para disseminar essa mensagem.

 

Aqui irei citar algumas empresas que já fazem esse processo, claro que são empresas grandes, mas empresas de qualquer porte podem e devem valorizar os funcionários.

 

Google

Reconhecida por suas práticas inovadoras de gestão de pessoas, a Google investe em benefícios como creches no local, espaços de lazer e tempo dedicado à inovação pessoal, permitindo que os funcionários explorem projetos próprios.

 

Salesforce
Além de oferecer excelentes benefícios, a Salesforce tem um compromisso notório com a comunidade. Seus programas "Volunteer Time Off" incentivam os funcionários a dedicarem tempo a ações sociais, fortalecendo a conexão entre o propósito da empresa e os valores pessoais dos colaboradores.

 

Zappos

A empresa de comércio eletrônico Zappos é conhecida por sua cultura única e foco no bem-estar dos funcionários. A abordagem "Holacracy" promove um ambiente sem hierarquias tradicionais, dando aos colaboradores maior autonomia e participação nas decisões.

 

São alguns dos exemplos. mas aí você pode me perguntar, irei valorizar o funcionário e depois recebo o quê?

 

Se a empresa reter o talento, os colaboradores que se sentem valorizados são mais propensos a permanecer na empresa, reduzindo custos associados à rotatividade.

 

Com essa confiança mútua, a produtividade aumenta. Ambientes de trabalho positivos e inclusivos estimulam a produtividade e a inovação, gerando resultados mais expressivos.

 

O melhor benefício da empresa é o funcionário falar bem de onde trabalha, isto reforça a imagem da marca. Empresas que se destacam pela humanização constroem uma reputação sólida, atraindo clientes e investidores que compartilham valores similares.

 

Em 2024, a tendência organizacional é que a humanização empresarial não é apenas uma opção, mas uma necessidade estratégica. Empresas que priorizam seus colaboradores não apenas criam ambientes de trabalho mais saudáveis, mas também estabelecem bases sólidas para o sucesso a longo prazo. O marketing interno se torna a voz dessa transformação, amplificando a mensagem de que uma empresa verdadeiramente bem-sucedida é aquela que investe em seu capital humano.

 

João Alves

Chief Marketing Officer

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 23 de Julho de 2024