facebook instagram youtube whatsapp

Opinião Segunda-feira, 26 de Fevereiro de 2024, 22:03 - A | A

Segunda-feira, 26 de Fevereiro de 2024, 22h:03 - A | A

MAX LIMA

Mente equilibrada, corpo são


Você já deve ter ouvido algo no sentido mente-coração-corpo. Mas o que significa?
Vamos lá. Conforme a Nova Declaração Científica da American Heart Association existe uma correlação em que seu estado psicológico pode influenciar de forma positiva ou negativa e aumentar ou diminuir os riscos para doenças cardíacas e acidente vascular cerebral, o conhecido ‘derrame’ ou AVC.
Um rastreamento feito entre as pessoas que participaram do estudo e observou-se que quando uma pessoa está feliz, ou passa por momentos considerados bons ou que lhe causam grande prazer, seu corpo inteiro reage. Pode-se dizer que a felicidade ajuda a fortalecer a imunidade no organismo.
Uma pessoa otimista consegue tolerar o estresse, as pressões e as frustrações muito melhor que um pessimista. A partir de uma perspectiva positiva de si e do mundo, torna-se mais resistente. Com isso, se recuperam mais rápido de doenças como cânceres, têm menos chances de terem um infarto e o poder de recuperação é infinitamente melhor.


Já uma pessoa em um quadro de depressão, estresse crônico, ansiedade, raiva, pessimismo e insatisfação com a vida, o corpo responde negativamente e está mais sujeito a ficar doente. Isso inclui irregularidades na frequência cardíaca e no ritmo que seu coração bate, aumento das queixas digestivas, pressão arterial e inflamação, redução do fluxo sanguíneo para o coração, ou seja, risco cardíaco muito maior, de um infarto ou ainda um AVC.
Por isso é fundamental que se mude algo na sua vida para ter mais sorrisos, mais prazer, mas alegria e disposição. Tudo isso pode fazer a diferença.
 Lembre-se que saúde mental e saúde física estão intrinsecamente associadas. Se necessário, busque ajuda especializada para equilibrar corpo, mente e espírito. A meditação, terapia, auxílio e comporto com familiares e amigos são algumas das formas de pedir ajuda.


E também porque não acrescentar uma atividade física no seu dia-a-dia. Mudar fisicamente pode te ajudar a se ver melhor e encontrar o equilíbrio que está procurando, mas não deixe de passar por um cardiologista, fazer um check up e ver que tipo de atividade é mais adequada para você.
Às vezes o que falta é apenas tomar uma decisão de se querer melhor. Mente equilibrada, corpo são.

Max Lima é médico especialista em cardiologia e terapia intensiva, conselheiro do CFM,  ex-presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia de Mato Grosso(SBCMT), Médico Cardiologista do Heart Team Ecardio no Hospital Amecor e na Clínica Vida Diagnóstico e Saúde. CRMT 6194

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 14 de Julho de 2024