facebook instagram youtube whatsapp

Política Quarta-feira, 08 de Novembro de 2023, 08:58 - A | A

Quarta-feira, 08 de Novembro de 2023, 08h:58 - A | A

para municípios do interior

Desenvolve MT presta contas na AL e pede apoio para impulsionar o acesso a crédito

Segundo dados apresentados pela presidente, a agência concedeu mais de R$ 70 milhões de créditos nos últimos três anos.

Assessoria
MQF

Em reunião extraordinária, na manhã desta terça-feira (7), a Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária (CFAEO) da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) recebeu a presidente do Desenvolve MT, a Agência de Fomento de Mato Grosso, Mayran Beckman Benício. Ela falou dos avanços nas concessões de créditos e dos desafios para impulsionar o acesso ao crédito aos micro e médio empreendedores de regiões mais afastadas no estado.

“A intenção é realizar um trabalho de fiscalização e, com essa apresentação, nós temos conhecimento dos projetos que aprovamos aqui e de como o trabalho da Assembleia foi fundamental para os avanços da agência”, destacou o presidente da CFAEO, Carlos Avalone (PSDB). Ele afirmou que a comissão pretende convidar outras instituições para realizar apresentações.

Segundo dados apresentados pela presidente, a agência concedeu mais de R$ 70 milhões de créditos nos últimos três anos.  “Nós viemos aqui pra falar da evolução nos últimos anos, mas também buscar apoio para que esse recurso chegue ao interior”, afirmou. “Sabemos da importância desse recurso chegar a todos os municípios do estado, garantindo oportunidade às pessoas se equilibrarem financeiramente e tocarem seus negócios gerando emprego e renda”, defendeu.

Em 2021, a liberação de créditos correspondeu a pouco mais de R$ 20 milhões, em 2022 alcançou o investimento de R$ 23 milhões e, em 2023, já somam quase R$ 29 milhões. “É um aumento significativo, resultado de um trabalho para levar mais informações aos empreendedores sobre como buscar esse empréstimo junto ao governo do estado”, afirmou a presidente.

Ela apontou a diferença de valores concedidos à região centro-sul do estado, que acumula o maior percentual, sendo que foram liberados 1.159 contratos, totalizando R$ 44 milhões nos últimos três anos, enquanto a região nordeste prospectou 121 contratos, que somam apenas R$ 2 milhões.

“Nossa intenção é trabalhar em parceria com municípios para ter prospectores que auxiliem com o acesso ao sistema, tirando dúvidas”, propôs. Mayran explicou que a solicitação dos empréstimos é realizada por sistema digital, na plataforma da agência, mas que é preciso estar mais próximo dos empreendedores para facilitar o acesso aos recursos.

Também participaram da reunião representantes da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de Mato Grosso, da Junta Comercial e da Câmara de Dirigentes Lojistas.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 22 de Maio de 2024