facebook instagram youtube whatsapp

Saúde Sexta-feira, 05 de Janeiro de 2024, 12:38 - A | A

Sexta-feira, 05 de Janeiro de 2024, 12h:38 - A | A

verão

Veja alimentos que ajudam a manter a pele saudável no verão

Médica explica como os nutrientes presentes na alimentação são importantes nesta época do ano

EdiCase
MQF

Uma alimentação equilibrada desempenha um papel fundamental na saúde da pele, sendo um dos pilares para manter sua vitalidade e beleza. Os alimentos que ingerimos têm um impacto direto na saúde dérmica, fornecendo nutrientes essenciais que ajudam na renovação celular, na produção de colágeno e na proteção contra danos causados pelos radicais livres.

 

“Tanto a pele como as unhas e cabelos refletem carências de nutrientes, equívocos alimentares e estado inflamatório”, explica a nutróloga Dra. Marcella Garcez, diretora e professora da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN).

 

Alimentos para proteção da pele

A médica destaca que, na temporada de calor, há grupos de alimentos que conferem proteção contra a radiação solar. “Entre eles, estão aqueles que são fontes de carotenoides, fontes de pigmentos que vão desde o verde, passando pelo amarelo e laranja, até os vermelhos, e os que são fontes de polifenóis, principalmente os de tom vermelho-escuro e arroxeados. Carotenoides e o polifenóis do tipo antocianidinas são importantes fotoprotetores orais, por seu tipo de atividade antioxidante“, explica.

Os polifenóis são compostos orgânicos muito encontrados em frutas e plantas, benéficos para a proteção do nosso metabolismo e contra o envelhecimento. Os carotenoides, por sua vez, são uma família de substâncias derivadas da vitamina A, com aparência laranja e ideais para fotoproteção da pele.

 

Comidas para uma pele viçosa

De maneira geral, pensando no viço da pele ao longo do verão, a nutróloga destaca que é importante manter uma dieta equilibrada, variada e o mais natural possível, com aporte adequado de proteínas magras ou vegetais como as leguminosas, carboidratos complexos, provenientes de frutas, vegetais folhosos, legumes, farelos dos cereais integrais e tubérculos.

 

“Além de gorduras boas como o azeite de oliva, os peixes de água fria e as nozes e castanhas. Tudo isso acompanhado de hidratação adequada, que deve ser feita preferencialmente através do consumo de água, que sempre é a melhor opção, apesar de líquidos como os chás, as águas saborizadas e os sucos naturais também serem contabilizados e bem-vindos”, acrescenta.

 
Diversos alimentos coloridos. Há abacate, tomate, limão, gengibre, kiwi, pimenta, cereais, alho, mirtilo, entre outros.
A alimentação fornece nutrientes importantes para manter a pele saudável e bonita (Imagem: marilyn barbone | Shutterstock)

Vitaminas importantes para pele

A Dra. Marcella Garcez destaca que a pele, além do aporte proteico, essencial para a síntese de colágeno, precisa de vitamina C, também necessária para a síntese de colágeno, além de seus efeitos antioxidantes que absorvem água.

 

“A vitamina E é um dos principais antioxidantes do compartimento lipofílico [que tem afinidade e é solúvel em gordura] cutâneo. A vitamina D, que além de ser responsável por manter funções imunológicas e regenerativas da pele, precisa da pele saudável para ser sintetizada e circular em bons níveis, sem suplementação”, explica. A nutróloga também explica que as vitaminas do complexo B ajudam a manter várias funções metabólicas.

Minerais que favorecem a pele

Além das vitaminas, os minerais também desempenham um papel importante na saúde e aparência da pele. “Entre todos os minerais necessários para a saúde da pele, podemos citar zinco, cobre e selênio, que estão entre os cofatores para a síntese de enzimas antioxidantes, além de funções metabólicas. E o silício é um mineral importante para garantir resistência e elasticidade da matriz extracelular presente nos tecidos conjuntivos como a derme”, explica a médica.

 
 

Outros nutrientes importantes

Segundo a Dra. Marcella Garcez, os ácidos graxos do tipo ômega 3 são importantes para manter equilíbrio de perfil inflamatório da pele e prevenir doenças inflamatórias como as dermatites, psoríase e acne. “Os carotenoides e polifenóis presentes em alimentos e suplementos também são importantes para a melhora das respostas imunes, por suas atividades antioxidantes e fotoprotetoras”, acrescenta.

 

Além disso, a médica ressalta a importância da ingestão de água. “Não podemos esquecer do adequado consumo de água, pois a hidratação da pele se faz por via oral, os produtos tópicos apenas mantêm na pele a água que entrou no organismo pela boca”, enfatiza. 

Alimentos para colocar na rotina

Como recomendação tanto para proteger quanto para dar uma ajudinha no bronzeado, a médica indica o consumo de:

 
  • Proteínas magras, carnes, ovos e laticínios, e proteínas vegetais como leguminosas, feijões, ervilhas, lentilhas e grão-de-bico, necessárias para a síntese de colágeno.
  • Frutas cítricas (laranja, limão, tangerina), principais fontes de vitamina C e importantes fontes de carotenoides.
  • Peixes de água fria (como salmão e sardinha), nozes e linhaça são fontes alimentares de ômega 3, que mantém o perfil inflamatório da pele em equilíbrio.
  • Abóbora, cenoura, folhas verdes, tomate, mamão e especiarias como páprica e cúrcuma são fontes de carotenoides que oferecem fotoproteção à pele.
  • Frutas vermelhas, uvas escuras e chocolate, com pelo menos 70% de cacau, são fontes de polifenóis antioxidantes e fotoprotetores.

Por Maria Claudia Amoroso

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 23 de Julho de 2024