facebook instagram youtube whatsapp

Geral Sexta-feira, 31 de Maio de 2024, 14:38 - A | A

Sexta-feira, 31 de Maio de 2024, 14h:38 - A | A

NA FRANÇA

Sistema de rastreabilidade dos produtos florestais de MT é apresentado em evento da indústria madeireira

O Sisflora 2.0 foi implantado pelo Governo de Mato Groso em 2023

Assessoria
MQF

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apresentou na Feira Carrefour International du Bois, em Nantes, na França, o andamento da rastreabilidade da madeira explorada em Mato Grosso, que possui origem legal e valorizada no mercado nacional e internacional. O Sistema de Comercialização e Transporte de Produtos Florestais (Sisflora 2.0), foi implantado pelo Governo do Estado em 2023.

A Feira Carrefour, um dos eventos mais importantes da indústria madeireira no mundo. foi realizada entre os dias 28 e 30. 

No Sisflora atualmente são 3.760 empreendimentos ativos no sistema, dentre eles, empreendimentos de exploração florestal, indústrias madeireiras, picador móvel e empreendimentos que utilizam a madeira como fonte de energia.

A secretária de Meio Ambiente, Mauren Lazzaretti, explicou que a Europa tem ampliado as exigências para importar produtos de origem florestal, e o assunto foi abordado durante uma entrevista ao Journal Bati, de um canal francês, e com os participantes brasileiros e estrangeiros que passaram pelo evento.

"O Sisflora 2.0 está em operação há um ano e promove uma resposta sobre a rastreabilidade dos produtos florestais trazendo essa noção perante a legalidade na exportação junto aos sistemas estadual e federal desde a sua origem”, explicou

Mauren frisou ainda o potencial de Mato Grosso em produzir madeira nativa por meio de manejo florestal sustentável. “Atualmente, estamos com pouco mais de 5 milhões de hectares de manejo e nossa meta é chegar a 6 milhões de hectares até 2030. Com um potencial de reduzir em 16% as emissões estaduais, o manejo florestal está entre as 12 ações prioritárias do Programa MT Carbono Neutro 2035” completa ela.

Participaram do evento o vice-governador Otaviano Pivetta, o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, a deputada estadual Janaína Riva, o presidente do Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira de Mato Grosso (Cipem), Ednei Blasius, o presidente do Fórum Nacional das Atividades de Base Florestal (FNBF), Frank Rogieri, o presidente do Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt), Sílvio Rangel.

Aproximadamente 670 expositores de diferentes países apresentam produtos e soluções para os setores da construção, moveleiro e outros grupos de interesse no tema. A feira bienal atrai profissionais de diversos segmentos relacionados à madeira, incluindo indústrias de processamento de madeira, fabricantes de máquinas e ferramentas, design de interiores, decoração, móveis e iluminação. O evento é uma plataforma essencial para descobrir inovações, estabelecer parcerias comerciais e acompanhar as tendências do mercado.

Sobre o Sisflora 2.0

O controle da comercialização de produtos florestais no Mato Grosso é feito com a utilização do Sisflora 2.0, implantado em 19 de maio de 2023. O sistema funciona de forma integrada com o sistema federal, DOF+ Rastreabilidade, e permite o conhecimento da cadeia de custódia dos produtos florestais, desde a origem, nos Plano de Manejo Florestal Sustentável devidamente autorizados pela Sema, até o consumidor final.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 17 de Junho de 2024