facebook instagram youtube whatsapp

Política Terça-feira, 14 de Maio de 2024, 16:02 - A | A

Terça-feira, 14 de Maio de 2024, 16h:02 - A | A

quinta-feira (16)

Lúdio realiza audiência pública sobre valorização da UFMT e IFMT

Servidores reivindicam condições de trabalho, carreiras e fortalecimento da educação superior pública

Assessoria
MQF

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) realiza, na próxima quinta-feira (16), a partir das 9h, audiência pública para debater a Valorização das Carreiras dos Profissionais da Rede Federal de Educação e o Fortalecimento da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT). A audiência será na Assembleia Legislativa, com transmissão pelo YouTube e pela TV AL (canal 30.1).

“As instituições federais de ensino superior têm um papel muito importante para o desenvolvimento de Mato Grosso. Elas atuam na formação acadêmica, científica, tecnológica e profissional da nossa população. Fortalecer as instituições de ensino superior público significa melhorar e ampliar o acesso da população à educação pública, e consequentemente ter melhores condições de trabalho e emprego. Para isso, é necessário valorizar os servidores que fazem isso acontecer”, disse Lúdio.

Os servidores técnico-administrativos e docentes das duas instituições estão em negociação com o Governo Federal pela reestruturação de carreiras e salários, além de reposição de perdas inflacionárias desde 2015. Atualmente, os técnicos da UFMT e os técnicos e docentes do IFMT estão em greve.

Segundo a Federação dos Sindicatos de Servidores Técnico-administrativos Educacionais (TAEs) do Brasil (Fasubra), essa categoria tem a maior rotatividade dentre os cargos do Executivo Federal, e cerca de 70% dos profissionais abandonam suas carreiras em até 3 anos de vínculo.

Serviço:
Audiência pública:
Valorização das Carreiras dos Profissionais da Rede Federal de Educação e o Fortalecimento da UFMT e do IFMT
Data: 16/5/24 (quinta-feira)
Horário: 9h
Local: Plenário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso

 

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 19 de Maio de 2024