facebook instagram youtube whatsapp

Política Quarta-feira, 20 de Março de 2024, 16:54 - A | A

Quarta-feira, 20 de Março de 2024, 16h:54 - A | A

PROJETO DE LEI

Vereador propõe robótica como disciplina obrigatória

Assessoria
MQF

O vereador Kássio Coelho (PRD) apresentou projeto de lei 7/2024, que introduz a disciplina de Robótica na grade curricular das escolas municipais de ensino fundamental. A nova matéria, que será implementada como formação complementar, visa integrar conceitos de diversas áreas do conhecimento e estimular o desenvolvimento de habilidades essenciais para o futuro dos estudantes.
 
Pela proposta, a Robótica será ministrada em todas as séries do ensino fundamental, com foco especial nos anos finais. O objetivo é favorecer a interdisciplinaridade e promover a integração de conceitos de linguagem, matemática, física, eletricidade, eletrônica, mecânica, arquitetura, ciências, história, geografia e artes. 
 
Além disso, a disciplina pretende desenvolver aspectos ligados ao planejamento e organização de projetos, motivar o estudo e análise de máquinas e mecanismos do cotidiano, estimular a criatividade e o aproveitamento de materiais reciclados, e desenvolver o raciocínio lógico e a construção de projetos.
 
O autor do projeto destaca a importância da Robótica Educacional para trabalhar as competências previstas na Base Nacional Comum Curricular e desenvolver a compreensão das tecnologias através de montagens de protótipos. 
 
“Com o estudo da Robótica, podemos proporcionar uma educação de qualidade que acompanha as mudanças da sociedade e prepara nossos jovens para os desafios do futuro”, afirma Kássio Coelho.
 
Caso seja aprovado nas duas votações na Câmara e sancionado pelo prefeito, as escolas municipais terão um prazo de 180 dias para se adequarem à nova lei, que já entrou em vigor com a sua publicação. A carga horária semanal mínima para a disciplina será de 50 minutos.
 
“Este movimento coloca Cuiabá na vanguarda da educação tecnológica, alinhando-se às diretrizes educacionais contemporâneas e reforçando o papel da educação como pilar fundamental para a evolução da sociedade”, argumentou. 
 
O projeto está em tramitação na Casa de Leis desde o dia 18 de janeiro de 2024.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 23 de Julho de 2024