facebook instagram youtube whatsapp

Economia Terça-feira, 26 de Setembro de 2023, 15:33 - A | A

Terça-feira, 26 de Setembro de 2023, 15h:33 - A | A

imóveis

Agronegócio impulsiona demanda por imóveis de alto padrão em Goiânia

A capital goiana foi a segunda colocada no ranking dos municípios que registraram as maiores valorizações de imóveis

Correio Braziliense
MQF

São Paulo — Goiânia foi a capital brasileira que registrou a maior valorização no preço do metro quadrado de imóveis novos do país nos últimos 12 meses, um avanço de 13%. Segundo dados da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) e da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), divulgados nesta terça-feira (26/9), a alta foi puxada pelos imóveis de luxo e superluxo lançados recentemente.

 

O preço médio fechou em R$ 8.205,00 por metro quadrado em agosto, contra R$ 7.273,00 no mesmo período do ano passado. A capital goiana foi a segunda colocada no ranking dos municípios que registraram as maiores valorizações de imóveis em 2022.

Os números foram divulgados durante a 6ª edição do Fórum Incorpora, realizado pela Abrainc.

A pesquisa atribuiu o boom imobiliário à quantidade de riqueza que circula na região, conhecida por ser o “coração” do agronegócio. No último ano, o estado registrou um Produto Interno Bruto (PIB) duas vezes maior que o da média do país.

Segundo a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Goiás (Ademi-GO), em 2022 foram lançadas na cidade 11.550 unidades, entre prédios residenciais, comerciais, casas e hotéis — praticamente 80% superior ao numero de 2018, início do ciclo de crescimento.

 

O valor geral de vendas (VGV) dos lançamentos atingiu R$ 6,3 bilhões, quase duas vezes e meia superior ao registrado em 2018. As vendas também saltaram nesse período: 119% em VGV e 68,5% em unidades.

 

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 17 de Junho de 2024