facebook instagram youtube whatsapp

Política Quarta-feira, 11 de Outubro de 2023, 09:29 - A | A

Quarta-feira, 11 de Outubro de 2023, 09h:29 - A | A

transição

Presidente da AMM se reúne com presidente eleito para o triênio 2024-2026

Assessoria
MQF

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios, Neurilan Fraga e o prefeito de Primavera do Leste, Leonardo Bortolin, eleito para conduzir a entidade no triênio 2024-2026, se reuniram nesta  terça-feira (10), na sede da entidade. Na ocasião, eles  anunciaram a criação de uma comissão de transição, formada por funcionários da AMM e por pessoas indicadas por Leonardo, para dar início aos trabalhos a partir do dia 20 de novembro, com término previsto para 15 de dezembro.

Durante o encontro, foram repassadas as informações sobre os serviços que são oferecidos aos municípios de todas as regiões do estado. “Tivemos uma conversa tranquila sobre o andamento dos trabalhos que entidade executa, para que não haja interrupção. Conversamos sobre o serviço operacional da AMM, algumas situações que ocorrem no cotidiano”, disse Fraga, destacando que o objetivo é contribuir com a nova gestão que começa a partir de janeiro.

Outro assunto tratado foi a inserção no movimento municipalista brasileiro, as pautas de interesse dos municípios e as mobilizações em Brasília. “O processo político eleitoral já passou. O que mais importa é a bandeira do municipalismo, que sempre defendi e vou continuar defendendo aonde eu estiver, porque eu tenho o municipalismo como convicção” assinalou Neurilan.

O presidente eleito, Leonardo Bortolin ressaltou que  a equipe de transição vai subsidiar a nova equipe que vai assumir a partir do ano que vem. “Estamos iniciando nesse diálogo harmonioso, nessa troca de experiências para que possamos prosseguir os próximos passos para a montagem da equipe de transição. Sabendo de todo o andamento da AMM, para que possamos organizar o planejamento estratégico que vai pautar os nossos trabalhos para o próximo triênio”, adiantou.

Conforme Bortolin, falar sobre mudança na estrutura ainda é prematuro, pois grande parte dos serviços, deve ser continuada. “Independente de quem estiver à frente da entidade, são serviços fundamentais para o dia a dia das prefeituras, para os municípios. Então vamos fazer com que tenha uma transição muito leve, administrativamente, para que nenhum dos serviços prestados tenham prejuízos”  concluiu Leonardo.

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 22 de Maio de 2024