facebook instagram youtube whatsapp

Polícia Quinta-feira, 23 de Novembro de 2023, 15:31 - A | A

Quinta-feira, 23 de Novembro de 2023, 15h:31 - A | A

OPERAÇÃO LEI SECA

Seis motoristas são presos por embriaguez ao volante e um por direção perigosa na Avenida do CPA

No total, 181 veículos foram fiscalizados, sendo que 16 condutores não possuíam carteira de habilitação (CNH) e 43 não portavam o registro ou licenciamento veicular

Assessoria
MQF

A edição 122ª Operação Lei Seca, realizada na madrugada desta quinta-feira (23.11), na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (do CPA), em Cuiabá, terminou com sete motoristas presos, sendo seis por embriaguez ao volante e um por direção perigosa.

As abordagens iniciaram às 23h45 e se estenderam até por volta das 3h. No total, 181 veículos foram fiscalizados, dos quais 16 condutores não possuíam carteira de habilitação(CNH) e 43 não portavam o registro ou  licenciamento veicular. Ao final, 56 veículos foram removidos, sendo 49 carros e sete motocicletas.  

De acordo com o relatório da operação, 182 motoristas fizeram o teste de alcoolemia, sendo que 12 deles apresentavam sinais de embriaguez. Outros seis motoristas se recusaram a fazer o teste de alcoolemia. 

A pena para quem for pego dirigindo alcoolizado, conforme prevê o artigo 306 do Código de Trânsito (CTB), é de detenção pelo período de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

Para quem é preso por direção perigosa, o artigo 175 do CTB prevê a suspensão do direito de dirigir e apreensão do veículo entre outras medidas. Essa penalidade se caracteriza por: utilizar-se de veículo para demonstrar ou exibir manobra perigosa, mediante arrancada brusca, derrapagem ou frenagem com deslizamento ou arrastamento de pneus.

A Operação Lei Seca é realizada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), sob a coordenadoria do Gabinete de Gestão Integrada (GGI), com as equipes do Batalhão de Trânsito (BPMTran), Polícia Militar, Delegacia de Trânsito (Deletran) da Polícia Judiciária Civil, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros (CBM-MT), Polícia Penal, Sistema Socioeducativo, Polícia Rodoviária Federal e Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob).

Comente esta notícia

Cuiabá MT, 22 de Maio de 2024